sábado, 25 de julho de 2015

As linhas. Os detalhes. Eu queria que as fotografias mostrassem o que vejo,mas me escapam pelos milésimos de segundos entre um piscar de olhos. Pudera eu ter a sorte de registrar aquele sorriso no canto da boca. A mecha de cabelo deslizando lentamente pelo rosto. Ou brilho daquele olhar. Como se não houvesse mas nada de belo. Como se o mundo parasse e aquela fosse o único fio de alegria que existisse. Simples e bonito. Mágico.

Outras intensidades

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...