quarta-feira, 2 de maio de 2012

O dia pra sonhar.

" A felicidade é como a gota
De orvalho numa pétala de flor
Brilha tranquila
Depois de leve oscila e cai como uma lágrima de amor. " [Tom Jobim]

[foto google]
Faz poucos minutos que saí da cama. Chuvisca. Gotas delgadas e leves que me fizeram arrepiar com o frio. Peguei meu casaco no armário e fiz um chocolate quente, desses pra começar bem o dia.
Senti uma vontade de correr para seus braços e te contar sobre meus dias. Contar as coisas que não conto pra ninguém além de você. As vezes, parece tão simples. Só, as vezes, eu queria que fosse. Tentei imaginar aquele caminho que a gente sonhou, mas não consegui. Pensei em coisas diferentes. Um novo caminho. E vi em alguns momentos o quanto amadureci e em outros como ainda sou uma menina.  Mas os problemas me fizeram mais fortes. Ainda sim tenho repentes que me inquietam o coração e me doem. Assim como você. Como se viesse para estragar o dias bons.
Cortei os meus cabelos. Queria mudar um pouco. Pintei minhas unhas, coloquei um vestido branco  rodado e um laço no cabelo. Vou me encontrar com as meninas a noite. Fiz meus trabalhos do curso e escutei aquelas músicas que amo e você também. Escutei a nossa música também. Aquelas de café e pequenos detalhes de amor que me mandou. Enquanto escrevo essas palavras bobas , consigo sentir o cheiro daqueles dias de céu azul. Seu perfume ainda esta no meu travesseiro e nos lençóis.
Sabe têm tanta coisa pra fazer. Mas hoje eu já nem quero. Quero esse pra sonhar. Pra pular corda e jogar pedrinhas no mar. Fazer das nuvens algodão doce e cantar. Dançar devagarinho sem medo de errar. Pra falar besteiras e rir sem parar. Só o que me faz voar.

Outras intensidades

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...