quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Senti uma vontade de te contar.

Hoje senti uma saudade. Não sei ao certo. Não sei. O dia estava lindo. Meus cabelos agora curtos acariciavam meus ombros. Fiquei tão bonita. Sabe daquele jeito leve e doce. Os passos eram alegres. Entre uma e outra ligação um vento frio me arrepiou. Como se quisesse me levar para aquelas tardes sombrias de novo. Lembrei do seu sorriso. De você me colocando no colo. Dos olhares. Pois as vezes não haviam toques ,nem mãos dadas... o que havia era mais profundo. Era uma cumplicidade. Felicidade. Sim. Eu me sinto bem ao seu lado. Assim, me chamando atenção e brincando também. Eu nem devia te falar essas coisas, mas hoje eu senti uma vontade enorme de te contar um pouquinho do que ta passando aqui dentro. Eu nem sei ao certo o que é. Só sei que a culpa é sua. E quando eu te encontrar hoje, vou te abraçar bem forte. E depois de ouvir tudo em silêncio:
- Então vem rápido. Que eu quero ver o seu sorriso e olhar em seus olhos, te ouvindo repetir cada palavra.

Outras intensidades

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...