sexta-feira, 11 de junho de 2010




As coisas acontecem ao seu redor
Você parece não observar
Tenho vontade de gritar 
Mas não perco o controle.

Queria concertar os erros
Mas me mostraram que o erro não foi meu
Queria esquecer e fugir
Rir, quem sabe até, me perde

Cadê seus amigos tolos?
Sei o que pensam de mim
Mas não me conhecem
Será que o conhecem?
Ao menos sabem das besteiras que faz e omite de mim

Ainda assim continuo respirando
Não somos iguais
Posso estar fraca
Mas o tempo passa

Aos poucos supera-se as mágoas
Agora só quero ficar ao seu lado
Quero que me veja chorar
Não quero falar sobre nada mais
Quero que veja o que significa tudo isto
Porque ainda te amo...

Outras intensidades

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...