Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

Pitty - Só Agora (Chiaroscuro Oficial)

Baby Tanto a aprender Meu colo alimenta a você e a mim Deixa eu mimar você, adorar você Agora, só agora Por que um dia eu sei Vou ter que deixá-lo ir!
Sabe, serei seu lar se quiser Sem pressa, do jeito quem tem que ser Que mais posso fazer? Só te olhar dormir Agora, só agora Correndo pelo campo Antes de deixá-lo ir!
Muda a estação Necessario e são Você a florecer Calmamente, lindamente...
Mesmo quando eu não mais estiver Lembre que me ouviu dizer O quanto me importei e o que eu senti Agora, só agora Talvez você perceba Que eu nunca vou deixá-lo ir! Que eu nunca vou deixá-lo ir! Eu não vou deixá-lo ir!

P.S:Hoje tudo ficou muito quieto, apesar de colorido...Pedi para o silêncio ficar ausente e só uma melodia ao fundo conseguiu me traduzir, só por hoje...e só, pois amanhã um novo dia virá!

Estou aqui

Era uma manhã ensolarada, as flores cantavam e os passáros enfeitavam o céu. Layla olhou pela janela, colocou sua calça jeans já desbotada e sua blusa lilás . Desceu as escadas cautelosamente como um gato,  não queria ouvir ninguém, queria apenas respirar...
 Seguiu sem rumo por entre as ruas. Tudo parecia em seu devido lugar, foi então que parou e olhou minuciosamente ao seu redor enquanto esperava o sinal fechar. Observou que já não fazia mais o caminho de sempre, nem os rostos eram os mesmos, mas aquele sorriso que ofuscava a multidão continuava ali...
 De algum jeito seu perfil de " príncipe das trevas " com sua máscara delicada e angelical tornava-o um homem intrigante. Aquele homem alto, moreno, olhos negros que hipnotizavam, braços aconchegantes, barba desalinhada , lembrava um sacerdote da Grécia.
 Layla por sua vez sempre ficava imóvel cada vez que lhe via, parecia  não ter forças para fugir de tamanho encanto. Quase não conseguia falar, suas mãos soavam e sempre fa…

Não é fácil...É simples talvez...

Imagem
Lá fora a chuva lava as ruas e chorar já não me acalma Aos poucos começo a enloquecer A vida me escapa e mesmo que tente aproveitar cada instante No relógio vejo que o tempo me atrapalha Tento fugir, mas volto porque a esperança me cega Nem sempre as decisões são certas Houve um tempo que pensei que seria diferente E minha lágrimas, não gotejariam feridas Não tenho medo de mostrar o que sinto Queria apenas sair em vão O mundo não esta fácil Pelo menos não para mim...
Imagem
Quero mergulhar no mundo desconhecido para entender verdadeiramente o meu mundo... Who i'm?

Já tentei fazer um resumo, mas não é simples como parece. A vida nem sempre é repleta de alegrias e As faces estão pintadas de palhaços Mas as piadas estão em preto e branco.
A razão? 
Estão embaralhadas nos textos As pessoas são assim Querem razão para tudo Bruxas são fadas que se desiludiram
E a esperança...mora em nosso olhar.
Descobri que o choro nos liberta E que o céu nem sempre é azul Que meus sonhos são confidenciados ao meu travesseiro E para virar realidade necessita que eu dê o primeiro passo...
E quem sou eu?
Ainda estou estudando, mas posso afirmar que ainda é muito cedo para indagar minha autobiografia.
Agora estou confessando para as paredes acizentadas do meu quarto. Na sala esta vazio o sofá, aquele que várias vezes nos amamos. Você foi meu mundo, dentre todos o mais colorido. Agora foi extinto, ao meu redor tudo esta... Nada... Quantas noites sem dormir. Quanta esperança ao amanhecer. Já conheço o rumo desta estrada. Cansei de conhecer. E só.