segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Esperança em meio a tempestade




A distância presente no asséptico conforto do meu quarto, presente nas consequências da vida.

Aqui esta tão frio e chuvoso que minha janela se encontra embaçada e já não consigo ver as flores que enfeitam meu jardim preto e branco...
Ontem fiquei internada, em meio as dores, até muito tarde, por isso não me encontrou.
Não conseguia dormir, andei de um lado para outro do quarto,desembaçando com as mãos os vidros gelados das janelas e olhando para a porta na vã esperança de te ver entrar em meio a tempestade.Mas você não sabe o quanto me sinto em paz quando recebo o calor do teu abraço carinhoso e protetor...sinto que nenhum mal poderá me atingir.Quando você me envolve carinhosamente em seu corpo, quando adormeço com seus suaves toques nos meus cabelos, meu mundo fica mais colorido.Você traz paz ao meu coração e conforto a minha alma...

Outras intensidades

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...